Projeto Coração Valente

A volta do Projeto Corações Valentes à plataforma de uma Rede Social

 

Caros amigos dos nossos Corações Valentes

Começamos o Projeto Corações Valentes em um blog. Tempos depois, através de um amigo (Augusto de Franco, que criou a Escola de Redes na plataforma Ning), conheci a plataforma Ning, concebida para Redes Sociais. Mantivemos lá por uns dois anos, mas fomos obrigados a voltar ao blog porque não conseguimos manter o pagamento da taxa de uso da plataforma.

Agora, quando vários furacões passaram, estou desejando voltar à plataforma Ning que possibilita uma serie de ferramentas de comunicação  e interação entre os participantes.

Nossa proposta, desde o início, sempre foi criar ambiente para que as pessoas ligadas às cardiopatias congênitas possam conversar, trocar experiências, ajudar uns aos outros.

Claro que podemos ajudar com os médicos, laboratórios, exames, medicamentos e hospitais, afinal, somos experts nesses temas. Mas estamos do outro lado, nossa visão é diferente das deles. E tudo isso ajudará se pudermos trocar ideias.

Uma plataforma de mídia social terá o poder de nos aproximar e encurtar as distâncias, entre outras possibilidades.

Para começar, necessitamos de um valor igual a cem dólares, para pagar um resíduo que temos com a Ning e pagar a primeira parcela. A Ning é uma empresa estrangeira, embora tenha alguma representação, aqui. Assim que  tivermos, faremos a transição e espero isso para breve.

Com isso, já poderemos mudar para lá, sem prejuízo algum e com essas grandes vantagens.

Se você crê em Deus, ore junto conosco nesse empreendimento em favor dos cardiopatas congênitos e seus parentes e amigos.

Muito obrigado

Lou Mello

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *