Projeto Coração Valente

O Thomas Henrique, nosso coração valente foi para sua morada celestial para sempre.


Thomas

Thomas

Sendo assim, conforme a vontade do Senhor, criador e consumador de todas as coisas, inclusive da vida e morte,  o Projeto Coração Valente perde sua razão de ser. As informações aqui contidas foram copiadas exaustivamente pelos outros sites congêneres e não farão falta, acredito.

Em memória do Thomas, preferimos não contribuir com aqueles que abreviaram a vida de nosso filho. Certamente ele tinha uma cardiopatia congênita muito complexa e sua vida e os procedimentos a que era submetido envolviam grande risco. Mas o sistema de saúde é um mercado como outro qualquer e nossos maiores amigos, muitas vezes tornam-se nossos piores inimigos, também.

Como ultima contribuição, certo de que o Thomas ficaria feliz com ela, deixo a advertência fundamental para que todos aqueles que precisarem de tratamento cirúrgico para a cardiopatia congênita própria ou de seus filhos amados, que não caiam na tentação de entregar suas vidas à primeira proposta de cirurgia que lhe fizerem.

Por amor próprio e de seus filhos queridos, façam questão de ouvir outras opiniões médicas e se houver unanimidade e a cirurgia for a única opção, procurem escolher uma equipe competente, acima de tudo prudente, não ávida por dinheiro e/ou fama e que demonstre verdadeiro espírito médico. Nunca duvide da vida, pois ela é dom de Deus.

Cuidado com cirurgiões com ego muito grande. Equipes precisam de bons cirurgiões, mas também de excelentes clínicos, infectologistas, especialistas em hemodinâmica e terapia intensiva, hematologistas, pneumologistas, etc., sem esquecer dos fisioterapeutas. Sobretudo, profissionais com capacidade já comprovada por suas experiências. Residentes e alunos das faculdades sempre estarão por perto, mas esteja certo de que eles estejam ali aprendendo, apenas.

Certifiquem-se de que o hospital está verdadeiramente equipado para uma cirurgia cardíaca desse porte e que há uma UTI limpa e dedicada só para os cardiopatas congênitos. Ao primeiro sinal de infecção, solicitem a remoção imediata dali para local desinfectado (isolamento). Isso é um direito do paciente.

Com isso estou fazendo minha mea-culpa, pois me deixei trair pela fama de um cirurgião e de um hospital tido como um entre os melhores e entreguei-lhes espontaneamente meu cardiopata congênito extremamente amado, vivo e feliz e recebi de volta um corpo sem vida e todo mutilado, para nada.

Viverei agora com a culpa de não ter protegido meu filho desses crápulas, de ter confiado neles quando não devia, ao invés de confiar em Deus e na sua direção. Mas eles me enganaram, bem como ao Thomas ao acenar com promessas mirabolantes de cura e correção, sem mencionar o altíssimo risco a que estariam expondo-o, não só da cirurgia, mas do hospital todo infectado onde o risco de qualquer procedimento se multiplica. Essa culpa lhes pertence e só Deus poderá perdoa-los.

Por favor, não façam com seus filhos o que fiz com o meu.

Agora resta a vocês o Anjinho Thomas, que certamente continuará zelando pelos cardiopatas congênitos sempre.

Anjinho Tom
Anjinho Tom

 

 Deus os abençoe abundantemente

Lou Mello

6 thoughts on “O Thomas Henrique, nosso coração valente foi para sua morada celestial para sempre.

  1. Ola!
    Meu nome é Patricia tenho 20 anos e estou desesperada pois descbri que , meu marido tem a rara doença de ebstein ele tem apenas 27 anos e quero procurar um tratamento para ele .
    Nao quero perde-lo pois espero um filho dele e quero que ele o vê crescer…
    O que eu faço para ajuda-lo?

    1. Patrícia
      Se vocês já sabem que seu marido tem a Doença (ou Anomalia) de Ebstein, imagino que um cardiologista ou uma equipe de cardiologia está cuidando dele. Sendo assim, procurem seguir regiamente todas as orientações que eles lhes derem, bem como fazer o tratamento indicado, não faltar às consultas e fazer todos os exames solicitados. Caso haja indicação para cirurgia, vocês sempre terão direito à ouvir uma segunda (ou mais) opinião antes de decidirem fazê-la.
      No nosso menu, na aba cardiopatias há algumas informações sobre essa cardiopatia.
      Deus os abençoe e conte conosco.
      Lou Mello

    2. Lou,
      Por favor qual é o hospital e cirurgião a que você se refere?
      Meu filho será operado então essa informação é muito importante para mim.
      Obrigada

      1. Beneficência Portuguesa em São Paulo e o cirurgião, Dr. José Pedro da Silva. A esposa dele também ajudou na “recuperação”, em UTI.

  2. obrigada lou meu amigo . !!!!! to tão triste pelo diagnostico do valente icc .ele não é apto aõ transplante . CARAMBAAAAAAAAAAAAAAA DE MÃOS ATADAS .

    1. Joana
      Esses diagnósticos mudam com uma rapidez incrível. De qualquer forma, será um voo às cegas, de repente um indicativo, um paliativo e vamos indo. Cada dia um ganho, cada hora um milagre. Abraço forte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *